#Brat Pack Movies: Pretty In Pink (A garota de rosa shocking)

16:10

Heeey, pessoal!
Estou aqui mais uma vez para resenhar um filme da lista do Brat Pack. Essa é a última resenha da minha maratona, pois não encontrei os outros filmes da lista. Porém, assim que encontrar volto a falar sobre.

Brat Pack é um apelido para um certo grupo de jovens atores e atrizes que costumavam aparecer juntos em filmes para adolescentes no anos 80. Esses filmes, geralmente, apresentavam críticas da geração daquela época, com muito cinismo. Na maioria das vezes, a história se passava no subúrbio de Chicago, mostrando o cotidiano dos jovens de classe média-alta.
Dessa vez, é o terceiro filme que assisti: Pretty In Pink.
Pretty in Pink é do ano de 1986. Em comparação com o The Breakfast Club temos apenas a Molly (Claire) no elenco. Dessa vez ela vive Andie uma garota pobre que sempre imaginou como seria ser rica. Andie tem um melhor amigo, Duckie, um garoto devoto a ela, mas o mesmo se encontra preso em uma friendzone.

E então, aparece "o cara": Blane, um garoto do tipo riquinho, por quem Andie tem uma queda, e em certo momento é correspondida. 
Mas o amor do casal não é um mar de rosas. De um lado Duckie fica super magoado por Andie estar com Blane e de outro Steff, amigo playboy de Blane, pressiona o garoto a não seguir adiante com o relacionamento.
O filme é um eterno clichê: o amigo apaixonado e não correspondido, a menina pobre e o garoto rico inalcançável. Mas a gente acaba amando esse eterno clichê.
Atores e personagens
  • John Cryer (sim, o Alan de Two and a Half Man) rouba a cena como o amigo apaixonado de Moly, Duckie, ele é a alma do filme.
  • Molly é de se apaixonar, mas não me apaixonei por Andie
  • Andrew McCarthy vive o riquinho que se apaixona por Andie e é do tipo que já arrancou muitos suspiros na década de 80.
  • Outro que deve ter arrancado suspiros é James Spaderque interpreta o amigo de Blane.
O filme também conta com Lona, a dona da loja de discos em que Andie trabalha. Lona é super divertida e amiga de Andie. A linguagem do filme é tranquila, por incrível que pareça não há palavrões ou cenas mais "quentes", dá pra assistir com toda a família.

Frases

- Você vai para a aula hoje? - Não sei se eu estou emocionalmente pronto.
Eu só quero que eles saibam que eles não me quebraram.
Nunca se apaixone. Você não gostará.
Oohh, por que não podemos começar velhos e então rejuvenescemos?
Ele vai lhe usar e jogar você fora. Deus, eu teria morrido por você.
Eu espero não ser a única que sabe o quanto você é incrível. 
Bem, nesse ponto da hora, eu temo que você seja, querida.
Já assistiu a esse filme? Ficou com vontade de assistir? Deixe sua opinião nos comentários.
Beijos, e até a próxima :)

You Might Also Like

12 comentários

  1. Adoreeeeeeeei as quotes! Hahahah com certeza vou procurar na locadora. Adorei mesmooooo!

    Beijos, http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! É um filme muito adorável :D

      Excluir
  2. Adoro filmes mais antiguinhos, já ouvi falar deste, mas nunca assisti.
    Vou ver no final de semana ♥
    Beijos, beijos!

    http://dearitgirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ahhh parece ser bom, amo clichês! Fiquei entusiasmada com sua resenha, quero assistir, adorei as frases no fim do post ;D

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adoro filmes assim! Vou procurar pra assistir :3


    Beijos
    delicadacomoumcacto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. own parece um ótimo filme *--* Deixando esse preconceito por filmes clichês e antigos e se deixando divertir eu adoraria! *-*

    ResponderExcluir
  6. Eu vi a cara dessa atriz, então tive aquela impressão de já ter visto ela em algum lugar! E realmente, foi porque já assisti The Breakfast Club. Esse filme parece ser bom, clichês antigos não deixam de ser ótimos! Parabéns pela resenha! Adorei as frases do filme!
    Beijos, Lery. :D
    lerissakunzler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Ela é liinda *-* Nada como um bom clichê dos anos 80. Obrigada!

      Excluir

✖ Antes de tudo leia a postagem
✖ Só comente caso tenha algo - em relação ao post - para dizer
✖ Avise quando seguir o blog, é certo de que seguirei de volta
✖ Deixe sempre o link do seu blog no final do comentário para que eu possa retribuir a visita
✖ Aceito TAGs, basta deixar o link da postagem - também no final do comentário
Obrigada pela visita, beijos!

Instagram

Facebook

Twitter

Subscribe